Whatsapp

Blog CP4

4 Competências fundamentais na área de Direito


Os intercâmbios na área de Direito têm tido uma crescente demanda para acompanhar as mudanças na sociedade e se ajustar às novas tendências,em áreas como Tecnologia,  Medicina, Empresarial, Tributário, além de Imobiliário, Consumidor e do Internacional.

Cada país tem uma tradição e um sistema jurídico. Conhecê-los é efetivamente um agregado curricular válido contribuindo grandemente para o desenvolvimento da carreira. O maior diferencial de se fazer um intercâmbio na área é abrir perspectivas, complementar uma compreensão abrangente de outros sistemas legislativos e ampliar o conhecimento nas várias áreas do Direito em que a experiência internacional é necessária.

Ouvindo o mercado e o feed back de participantes de vários programas internacionais, listamos abaixo algumas habilidades essenciais complementares para o seu sucesso profissional mesmo você atuando nas mais diversas áreas. Estas competências podem ser seus pontos fortes ou fracos e, implementados da forma correta, contribuirão enormemente na sua carreira.

1. Capacidade de se comunicar

Neste mundo globalizado, a demanda pelo atendimento de clientes internacionais é crescente. Captar os fatores primordiais de clientes de outras nacionalidades requer conhecimento do idioma, bem como da linguagem específica da área. Portanto, quanto mais habilidade de falar e ouvir na sua língua e em um segundo idioma, maior será a sua capacidade para reconhecer e acomodar clientes e suas preferências. Trabalhar constantemente a comunicação é fundamental para o seu sucesso.

2. Gerenciamento de tempo

Saber administrar a agenda significa demonstrar uma habilidade de gerenciamento de tempo que é fundamental nesta profissão. A tecnologia apresenta aplicativos específicos para ajudar neste quesito. Atualmente, a inteligência artificial apresenta programas que propiciam determinar o tempo a ser aplicado para o cliente. Porém, faz parte das habilidades necessárias a esta profissão o planejamento, a organização, o gerenciamento de recursos e um controle de orçamento das propostas. Existem intercâmbios que podem ajudar no desenvolvimento destas habilidades.

3. Capacidade de colaborar

Com a redução de fronteiras internacionais no mundo jurídico, há uma linha colaborativa entre grupos de advogados em diferentes países. Ter uma linguagem em comum auxilia no processo colaborativo, na troca de conhecimento e no desenvolvimento de projetos comuns.

4. Estar sempre preparado

Fazer uma lista de tarefas diariamente e investir pelo menos 15 a 20 minutos ao final do dia, analisando o que precisa ser realizado no dia seguinte faz parte da habilidade de estar sempre preparado. Isso vai ajudar a adquirir o hábito de se manter organizado e diminuir as chances de esquecer algum tipo de documento importante ou outro detalhe. Um programa no exterior colabora para o desenvolvimento desta habilidade, já que requer planejamento, organização, autocontrole emocional, e, desta forma, potencializar uma visão empreendedora.

Oportunidades

São várias as oportunidades oferecidas para o desenvolvimento de habilidades comportamentais e acadêmicas na área de Direito,  e há opções de curta e longa duração, online ou presencial.

A sugestão é começar desenvolvendo o idioma, seja inglês, espanhol, francês, alemão ou outra língua que você ache necessário ou tenha o objetivo de estudar. Desmistificar a impossibilidade do aprendizado de um novo idioma, perseguir propósitos e alcançar suas metas são pontos importantes na sua carreira. Veja algumas alternativas de programas e saiba também quais são os 6 idiomas importantes no mercado de trabalho.

Em um segundo passo, quando você já estiver em um nível intermediário do idioma, o objetivo é subir mais um degrau e passar para os programas de linguagem específica na área de Direito. Com duração 1 a 8 semanas, podem ser feitos online ou de forma presencial.

Atualmente, existem grandes oportunidades de estágios virtuais em empresas internacionais e, em breve, presenciais. Os programas de Estágios Virtuais propiciam a possibilidade do participante permanecer no Brasil enquanto agrega valor ao currículo e implementa o idioma e  o desenvolvimento da linguagem profissional, além de abrir a porta para uma inestimável rede de contatos e um mercado internacional. Vale lembrar que este programa elimina custos, como passagem aérea, seguro e acomodação envolvidos.

Para advogados seniores, há cursos que abordam questões fundamentais relacionadas às competências interculturais, colaborando com quem trabalha com fusões e aquisições internacionais.

Quem quer uma especialização mais aprofundada e se preparar para um LLM, existem cursos de Certificados, de curta duração. Esses programas necessitam de um conhecimento avançado do inglês, que atualmente também podem ser feitos online.

Participar de um intercâmbio é ver o ponto de vista de outros, é desenvolver aptidões que vão agregar à sua vida profissional, é vivenciar e turbinar o currículo para uma carreira de sucesso.

A CP4 é parceira da OAB  e da CAARJ.

 

 

*Atualizado em 06/2021

Ana Beatriz Faulhaber é CEO da CP4 Cursos no Exterior | Traveler, empresa parceira da UVA, Universidade Veiga de Almeirda, no setor de Internacionalização e Sucesso do Estudante.Tem mais de 30 anos no campo da educação internacional e recrutamento de estudantes no Brasil, além de ser Certified Cross-Cultural Trainer e Certified Coach. É Coordenadora Regional RJ da BELTA, associação de Agências de intercâmbios no Brasil,  e faz parte da Associação de Mulheres de Negócios – BPW no Rio de Janeiro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Categorias










Afiliações e Associações