Whatsapp

Blog CP4

Morando com uma família britânica


A intercambista Juliana Lewin fala sobre a sua experiência de morar em uma casa de família quando fez seu intercâmbio na Cambridge Academy of English, em Cambridge, no Reino Unido. Ela fez um curso de 4 semanas de inglês e , neste blog, ela conta como foi se hospedar em uma casa de família inglesa e vivenciar esta troca cultural.

Casa de Família – melhor custo X benefício

“Sem dúvidas, morar em casa de família é uma ótima experiência. Além do melhor custo x benefício, é uma das maneiras mais eficazes de praticar e conquistar a fluência no idioma.

Todos os alunos da Cambridge Academy of English preferem ficar em casa de família, pois as residências estão a uma distância curta da escola, levando alguns minutos a pé ou de ônibus. A escola tem um departamento de acomodação, e todas as famílias são selecionadas e visitadas pela coordenação da CAE.

O meu quarto era individual com um banheiro privativo e ficava numa área separada da casa. Achei ótimo, pois tinha mais privacidade. Além disso, o meu quarto tinha uma outra porta que dava para fora e, como eu tinha a chave, ficava mais tranquila para não atrapalhar a rotina da família.

Conhecendo a rotina de uma família britânica

Cheguei no domingo, um dia antes do início das aulas. Fui MUITO bem recebida pela família, que já estava ansiosa pela minha chegada. Logo que eu me acomodei e relaxei, a família me explicou tudo sobre a casa, me mostrou os cômodos,  explicou como funcionavam alguns aparelhos, me falaram sobre os horários do café da manhã e jantar e sobre um pouco a rotina deles.

A família era incrível e eu só tenho elogios a eles. Me trataram super bem, como se fosse parte da família deles, queriam que eu participasse de algumas rotinas deles e queriam saber de tudo sobre o Brasil. Eles tinham duas crianças, super queridas, que eu fiquei completamente apaixonada e brinquei muito com eles. Parece que não, mas conviver com crianças me ajudou bastante no desenvolvimento do meu idioma.

Recomendação

Super recomendo ficar em casa de família ! Criei um laço com eles que vou levar para sempre. Tenho contato com eles até hoje, sempre trocamos mensagens e a saudade só aumenta.

 

Leia também

By Juliana Lewin

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Categorias










Afiliações e Associações